Roy e Teddy

Dois cães do mesmo tutor, o Roy de 2 anos (à esquerda) e o Teddy de apenas alguns meses (à direita) são mantidos acorrentados para não fugirem. Apenas com painéis de vedação e um portão poderão viver livres de correntes.
100% Apoiado
  • 250€ Apoiado
  • 250€ Objetivo
  • 16 Apoiantes
Tempo restante

Sobre a campanha

No âmbito da parceria entre o Movimento Quebr’ a Corrente e a Associação Animais de Rua, damos início à campanha de libertação do Roy e do Teddy. 

A razão do acorrentamento deve-se ao facto do alpendre da habitação onde são mantidos não ser vedado e ambos acabarem por fugir, pelo que o plano de intervenção inclui a montagem de painéis de vedação e de um portão de madeira e também a disponibilização de casotas térmicas.

  • 3 Painéis de vedação metálicos e rígidos (2,5m de comprimento por 1,20m de altura), 4 postes metálicos (1,20m de altura); fixadores.
  • Portão para acesso
  • Casotas

Os cães soltos no interior da vedação não satisfaz a sua necessidade de explorar outros territórios, pelo que os tutores serão incentivados pela equipa a levar o Roy e o Teddy a passeios regulares, a interagir com ambos e a proporcionar-lhes contacto com outros cães.

Contamos convosco para mais uma libertação?!

(O orçamento inclui as despesas de deslocação da equipa ao local.)

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.